O Encontro como Sentido Por: Manoel G. Delgado Júnior

O Encontro como Sentido Por: Manoel G. Delgado Júnior
julho 06 06:00 2019

O Encontro como Sentido.

A Verdade não é apenas um sinal,
A Verdade é um encontro.
Alguém disse: Eu sou a Verdade.
E este encontro com Alguém também não é passivo.
Podemos dizer que a Verdade vem ao nosso encontro.
O sentido está nas Palavras deste alguém,
A Verdade está neste encontro.
Reduzir a Verdade as palavras
É não compreender o sentido da Palavra.
Negar ao encontro o seu sentido
É negar Aquele que se encontra.
A Verdade se fez palavras
E o Verbo se fez carne.
E se a carne não corrompeu o Verbo.
As palavras não corromperam a Verdade.
E nem lhe sacrificaram o sentido.
O problema já foi definido em Calcedônia,
O Divino santifica o humano
E o Humano não corrompe o divino,
E se tragada foi à morte na vitória.
Definida foi a Verdade nas palavras.

 

Manoel G. Delgado Júnior. Ministro Religioso, pastor efetivo-eleito da Igreja Presbiteriana de Lucas do Rio Verde. Graduado em  Liderança Avançada pelo Instituto Haggai, Mestre em Teologia Prática pela FTML-SP, Doutorando em Teologia pelo Seminário Servo de Cristo – SP. Professor de Teologia desde 2004. Pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil. Casado com Alzenir e pai de Aninha. Email: elerdelgado@gmail.com

PI 70357 (468x60)

Powered by WP Bannerize

  Categories: